_4 dicas práticas de como fazer um pipeline de vendas eficiente

2 de março de 2022
pipeline de vendas

Todo profissional de vendas que deseja ter sucesso em seu trabalho deve fazer o acompanhamento dos resultados das ações de seus contatos com os clientes. Para que isso seja possível, é necessário saber como fazer um pipeline de vendas eficiente. E o primeiro passo é estudar sobre o tema.

Neste post iremos abordar questões relacionadas ao que é a técnica e como ela funciona no dia a dia de um vendedor. Também daremos dicas sobre como montar o seu pipeline e colocá-lo em prática, para que as suas vendas sejam alavancadas e assim você possa obter o êxito desejado.

Deseja saber mais sobre essa poderosa ferramenta de acompanhamento de vendas? Continue a leitura!

O que é pipeline de vendas e quais os objetivos dessa metodologia?

O pipeline de vendas é um recurso direcionado ao desenvolvimento interno do processo de vendas. Desse modo, ele contribui para a escolhas de ações que devem ser seguidas pelos vendedores e auxilia na definição de estratégias, assim como nas vendas e na supervisão dos contatos comerciais.

Tem como objetivo filtrar contatos que já existem e possuem maior probabilidade de venda ou que necessitam de maior atenção. Diante disso, nenhuma oportunidade se perde, evitando que os clientes fiquem com má impressão ou até mesmo que não retornem ao vendedor e comprem na concorrência, devido à falta de suporte.

Além disso, a ferramenta é muito útil para que as equipes de vendas possam focar em negociações que precisam ser fechadas no mês ou em determinado período. Assim, podemos perceber que o pipeline auxilia no aumento da eficiência do seu time comercial. 

Para saber mais como funciona na prática e qual a importância, leia o próximo tópico. 

Como funciona na prática e qual a sua importância?

Na prática, o pipeline de vendas funciona como um ciclo de um funil. Entre as partes desse tipo de ferramenta estão:

  • Topo do funil – descoberta e aprendizado dos possíveis clientes;
  • Meio do funil – criação de uma proposta e levantamento das necessidades;
  • Fundo do funil – negociação e fechamento da venda.

Para que se obtenha o melhor resultado, cada etapa do processo deve ser muito bem elaborada e trabalhada minuciosamente. Dessa forma, fica mais fácil definir as ações que serão feitas em cada etapa do funil. 

Se você deseja construir um pipeline de vendas eficiente, continue a leitura deste artigo até o final. 

Quais são as melhores dicas de como fazer um pipeline de vendas eficiente?

Agora que você já sabe o que é o pipeline de vendas, é necessário construir uma estratégia e colocá-la em ação. Portanto, iremos apontar abaixo os passos necessários para estruturar as funções corretas para gerar conversões. 

No entanto, é importante ressaltar que o pipeline de vendas pode variar de acordo com o modelo de negócio. Confira as nossas dicas!

1. Mantenha a conexão das equipes de marketing e vendas

Ao montar o seu pipeline, tenha em mente que a equipe de vendas precisa estar em constante contato com o pessoal de marketing da empresa, que é responsável pelas propagandas dos produtos ou serviços. 

Aposte em uma relação bem próxima, pois o vendedor pode dar ideias para as propagandas, assim como a equipe do marketing pode auxiliar os vendedores em suas estratégias de vendas.

2. Defina o modelo ideal

Pense em quais serão as etapas pelas quais os clientes irão passar quando entrarem em contato com a empresa. A primeira fase seria a de responder o mais breve possível o lead. Depois manter contato de forma sucinta, a fim de não forçar o cliente, até que ele efetue a compra.

3. Desenhe as etapas

Os processos de vendas precisam ser organizados e variam de acordo com o modelo de negócio, sua complexidade, dentre outras características. Porém, em sua grande maioria, são fragmentadas em:

  • Prospecção;
  • Descoberta de necessidades;
  • Qualificação;
  • Encaminhamento de proposta;
  • Negociação;
  • Fechamento de venda;
  • Pós-venda e suporte.

Ao desenhar todas as fases pelas quais é preciso passar até efetuar uma venda, fica mais fácil atingir os objetivos desejados. Portanto, não deixe de fazer um esboço das etapas.

4. Estabeleça as tarefas de cada estágio

Separe as tarefas de cada etapa e mantenha a sua equipe bem orientada para que ela possa marcar uma reunião ou enviar um orçamento para os clientes, nos momentos certos.

Agora que você já sabe como fazer um pipeline de vendas, vai poder mensurar os resultados apresentados a partir dele, por meio de cálculos e relatórios, e propor melhorias para o negócio. Sendo assim, não espere mais: crie já o seu plano estratégico de vendas!

Gostou do nosso post? Então curta a nossa página no Instagram e veja todos os conteúdos que postamos!

Assista:

_Webinar [ Inbound marketing: do relacionamento à venda ]

WEBINAR

_Como podemos ajudar você?

Temos uma equipe experiente que irá ajudar a transformar os resultados da sua empresa.

Nossos telefones

Comercial: (85) 9.8127-6087

Financeiro: (85) 9.9422-3595

Suporte: (85) 9.8131-3395

Fixo: (85) 3122.4408